Munícipes já podem solicitar novo “Itu Cartão Cidadão”

A prefeitura de Itu iniciou na última quarta-feira (28) o cadastramento de munícipes para que obtenham o cartão cidadão. O documento deve ser utilizado para agilizar o atendimento em diversos setores, como por exemplo: agendamento de consultas em UBS’s e Ambulatórios de especialidades, retiradas de remédios, matricula e rematrícula em creches e escolas municipais, inscrição em escolinhas esportivas, empréstimo e renovação de livros nas bibliotecas municipais, entre outros.

Para o prefeito, Guilherme Gazzola, o cartão visa trazer facilidade no serviço para população. “O cartão é uma forma de você dar mais acesso as pessoas, de uma forma mais rápida, mais coerente e mais precisa, através dele você tem não só a facilidade do serviço, como também, a redução no tempo do atendimento”, afirmou.

A praticidade não será somente para o usuário, mas também ao serviço público, como destacou. “O banco de dados municipal vai permitir ao poder público conhecer melhor cada cidadão, melhorar a oferta dos serviços públicos da cidade, estruturar e planejar com mais eficiência o orçamento público e permitir estudos para criação de políticas públicas direcionadas à sua qualidade de vida, independente da gestão”, comentou o prefeito.

A documentação necessária para o cadastro é:

– RG, CNH, Certidão de Nascimento, Certidão de Casamento ou declaração de união estável (quando houver).
– CPF (Obrigatório inclusive para crianças)
– Comprovante de residência (Somente carnê de IPTU, conta de água, conta de energia ou Contrato de Locação com Imobiliária do Município de Itu, com firmas reconhecidas, dos últimos 3 meses).

A retirada do cartão físico deve ser feita presencialmente.  O uso do Itu Cartão Cidadão é pessoal e intransferível. O cadastro e as futuras consultas ao cartão podem ser feitos de forma online através do site www.itu.sp.gov.br/cartaocidadao, pelos aplicativos “Itu Cartão Cidadão” na Apple Store e Google Play e de forma presencial na Prefeitura de Itu e Subprefeitura do Pirapitingui.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *